Third Man Records fornece detalhes sobre os álbuns do projeto American Epic

Grandes nomes da música norte-americana estão envolvidos em um projeto que visa homenagear o início da música moderna nos EUA. Entre alguns artistas da lista, temos Jack White, Elton John e Alabama Shakes. O projeto se chama American Epic, e resume-se a um filme, a uma série documental e a álbuns que trazem como temática a música dos anos 20.

Jack White e sua gravadora, a Third Man Records, disponibilizaram detalhes sobre os álbuns que serão lançados para divulgação do projeto. Quatro dias antes do lançamento do filme, no dia 12 de Maio, a gravadora lançará, tanto fisicamente quanto digitalmente, dois álbuns contendo a trilha sonora do projeto. Os nomes são American Epic: The Soundtrack e American Epic: The Collection.

The Soundtrack conterá 15 músicas “restauradas” de artistas da época, como The Carter Family e Charley Patton. Enquanto isso, The Collection será uma coletânea dividida em cinco discos, totalizando 100 clássicos renovados.

Em comunicado oficial, a gravadora deixa claro que não usará o termo “remasterização”:

“Isso não é remasterização, no sentido normal, mas algo mais próximo de ‘restauração de belas artes’. A intenção não é que as pessoas se maravilhem com a antiguidade desses discos, mas sim que as experimentem como performances vitais que conseguem falar com a gente de forma tão direta como se fossem atuais. Não é simplesmente uma grande arte para aquele tempo, mas grande arte para todos os tempos.”

Além disso, diversos álbuns serão lançados em homenagem a artistas específicos da época: haverá um álbum para Mississipi John Hurt, para Blind Willie Johnson, para Leadbelly e para outros. Álbuns filtrados por gêneros famosos na década também serão lançados: American Epic: Blues e American Epic: Country.

Nos anos 20 a indústria precisou se reinventar, saindo dos centros urbanos para se expandir. Assim surgiram talentos inesperados. A voz passou a ser dada a todos, representando a primeira grande revolução na música. “Foi a primeira vez que a América se ouviu”, diz a Third Man Records.

As gravações da época se davam de forma muito diferente das atuais. Não havia possibilidade de erro; o artista só tinha uma tentativa de gravação. O que era ouvido nas rádios era diretamente o que foi gravado, sem a pós-produção.

E por essa experiência passarão os artistas contemporâneos selecionados para gravar mais um álbum do projeto, American Epic: The Sessions. “Reinventada” pelo engenheiro eletricista Nicholas Bergh, uma máquina que se assemelha ao modelo de gravação usado nos anos 20 será a responsável por fazer com que esses artistas experimentem o começo da chamada Era do Rádio. As gravações terão de ser feitas em três minutos, diretamente para o disco.

The Sessions tem previsão de lançamento para 9 de Junho. Alguns dos álbuns já podem ser obtidos para pré-venda através do site oficial da gravadora.

Fonte: TMDQA!