Série de ‘O Senhor dos Anéis’ da Amazon seguirá à risca universo de Tolkien

A série da Amazon sobre “O Senhor dos Anéis” está com a produção bem engatada e, pela primeira vez, a equipe do programa divulgou algumas informações mais detalhadas sobre o seu conteúdo.

Além do diretor J.A. Bayona e os showrunners JD Payne e Patrick McKay, a série conta com Tom Shippey, um supervisor-chave que é especialista na obra de J.R.R. Tolkien. Foi Tom quem revelou em uma recente entrevista, que a primeira temporada do seriado terá 20 episódios.

O especialista explicou ainda que por se passar na chamada Segunda Era, muito do que a série mostrará depende do que a obra de Tolkien apresenta, e que isso tem sido seguido à risca: “A obra de Tolkien insistirá que a forma principal da Segunda Era é imutável. Sauron invade Eriador, é forçado a volta por uma expedição numenoreana e retorna a Númenor. Lá ele corrompe os numenoreanos e os faz quebrar a proibição dos Valar. Tudo isso, o curso da história, deve permanecer o mesmo”, explica.

+ Eddie Murphy está de volta no primeiro trailer de “Meu Nome É Dolemite”

Assim, também já temos a ideia que a ilha perdida de Númenor será o cenário principal da série. Apesar de seguir a história sem alterações, a produção da Amazon terá muita liberdade de preencher a história com novos personagens: “Você pode adicionar novos personagens e fazer muitas perguntas, como: ‘O que Sauron fez nesse meio tempo?’, ‘Onde ele estava depois que Morgoth foi derrotado?’”, conta Shippey.

Teoricamente, a Amazon pode responder a essas e outras tantas perguntas inventando as respostas, já que Tolkien não as descreveu. Mas isso não deve contradizer nada que o autor tenha criado.

A Amazon já se comprometeu com várias temporadas para a série de “O Senhor dos Anéis”, mas ainda não revelou nenhuma data de lançamento definida.

Fonte: B9