Quino, cartunista criador de ‘Mafalda’, morre aos 88 anos

Quino, cartunista argentino conhecido por criar as histórias em quadrinhos da personagem Mafalda, morreu aos 88 anos, confirmou o editor dele, Daniel Divinsky, pelo Twitter. A causa da morte não foi divulgada. Joaquín Salvador Lavado foi o criador das histórias em quadrinhos mais traduzidas da língua espanhola. Ele nasceu em 1932, em Mendoza, na Argentina, onde voltou a morar desde 2017, após a morte da mulher, Alicia Colombo. O nome do artista vai ser sempre associado ao da personagem mais famosa, a menininha esperta, que brinca com metáforas sobre problemas políticos e sociais.

+ Vocalista do Roupa Nova volta a ser internado no Rio de Janeiro

Criação de Mafalda

Quino criou Mafalda já em seu primeiro emprego como desenhista publicitário, em 1962. A garotinha seria personagem de uma peça de propaganda, que foi rejeitada por jornais na época. O autor retomou o personagem em 1964. As tirinhas, agora não mais comerciais, acabaram sendo publicadas em jornais do mundo todo. Mais tarde, os livros com a histórias de Mafalda foram traduzidos para mais de 30 idiomas. A personagem também virou protagonista de um filme, produzido na Argentina e lançado em 1982. Além da garotinha, as tirinhas também tornaram célebres personagens como Manolito, Susanita, Guille, Felipe, Liberdade e Burocracia.

Fonte: G1 | Foto: Divulgação