Projeto focado na saúde bucal de bebês prematuros recebe doações

O projeto Sala de Espera, em atividade no Ambulatório de Prematuros do Centro Clínico da Universidade de Caxias do Sul, foi contemplado pelo Rotary Club Caxias do Sul – Imigrante com donativos que apoiam a continuidade da iniciativa. As ações, de caráter educativo e preventivo, buscam a conscientização de pais e crianças sobre a importância dos cuidados com a saúde bucal, de forma lúdica e com linguagem simples.

+ Twitter avaliar comprar app Clubhouse por R$ 22 bilhões

Na última semana, a entidade forneceu brinquedos educativos, macromodelos e kits de higiene bucal para um ano de atendimentos. Os pequenos pacientes também terão mais conforto a partir das novas estufas recebidas, além de balanças digitais, brinquedos para avaliação neurológica e fisioterápica.

Sala de Espera

O projeto foi desenvolvido pela mestranda Simone Cristina Susin, odontóloga, ao estudar defeitos de desenvolvimento de esmalte nos prematuros atendidos pelo Ambulatório de Seguimento de Prematuros no Centro Clínico da UCS. Desde 1999, o Ambulatório atende de forma multiprofissional crianças com peso abaixo de 1.500 gramas vindas das UTIs neonatais do município de Caxias do Sul, a partir de parceria entre o Hospital Geral, a Universidade de Caxias do Sul e a Secretaria de Saúde do Estado.

+ Vestibular UCS: duas oportunidades semanais para ingressar na graduação

Professores da UCS, das áreas de Medicina, Psicologia, Nutrição, Enfermagem e Fisioterapia, compõem a equipe de assistência. No contexto, desde agosto de 2018, o Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde avalia, em pesquisa de coorte (estudo observacional), o seguimento das crianças. Neste ano, três mestrandas vão apresentar dissertações com enfoque na população de prematuros. Ainda, duas alunas de doutorado estudam de forma prospectiva a função renal e a hipertensão arterial.

Central de Conteúdo UCSfm