Não sou homem nem mulher’: Sam Smith se identifica como pessoa não binária

Sam Smith, atração do Lollapalooza SP, disse que se identifica como pessoa de gênero não binário. A declaração foi dada em entrevista para a atriz Jameela Jamil no Instagram. ‘Não sou homem nem mulher. Eu acho que flutuo em algum lugar entre os dois’, disse Sam Smith.
A entrevista foi para a estreia da série I Weigh, em que Jameela, atriz do seriado “The Good Place”, conversa com pessoas sobre aceitação corporal e autoimagem.

Sam Smith já ganhou quatro Grammys, um Globo de Ouro e um Oscar, e emplacou hits como “Stay with me” e “Too good at goodbyes”, de seus dois álbuns – “In the lonely hour” (2014) e “The thrill of it all” (2017). Seu single mais recente é “Dancing with a stranger”, com Normani.

+ Jerry Lee Lewis recebe alta e começa tratamento após sofrer AVC

“Sempre estive um pouco em guerra com meu corpo e minha mente”, disse Sam. “Eu penso como mulher às vezes, na minha cabeça. Algumas vezes me questionei: ‘Eu quero uma mudança de sexo? (…) É algo em que eu ainda penso. ‘Será que eu quero?'”. Sam Smith disse que ouvir conversas sobre pessoas não binárias levou à percepção de que essa é a sua identificação de gênero, e que se sente ‘feminina de várias maneiras’.

Sam Smith cantou no Rock in Rio 2015 e agora se apresenta no Lollapalooza 2019 em SP. O show principal é no dia 5 de abril, primeiro do festival. O dia extra promocional, em 4 de abril, também terá show do cantor.

Fonte: G1