Midnight Oil recebe ‘medalha de ouro pelos direitos humanos’

O Midnight Oil recebeu a medalha de ouro pelos direitos humanos da Fundação Sydney Peace por seu “compromisso com a busca dos direitos humanos por um longo período com um impacto poderoso e de longo alcance”. A honraria, concedida na última sexta-feira (28), vem em “reconhecimento do incansável compromisso de um indivíduo com os direitos humanos”, segundo a fundação.

A banda comandada pelo vocalista Peter Garrett é “pioneira dos direitos humanos”, disse Archie Law, presidente da Fundação. “Esta medalha é em reconhecimento a esse foco implacável, e em particular por seu ativismo ambiental, sua humanidade e seu impulso para promover a justiça através de sua música e suas ações”, completou.

+ Volbeat libera o novo disco ao vivo ‘Rewind, Replay, Rebound: Live In Deutschland’

“A luta pela paz – e seu parceiro, a justiça – é universal e ocupou o centro de nossa música e ativismo há décadas”, disse Garret, que é ex-ministro do meio ambiente australiano. O prêmio vem após o lançamento do novo álbum do Midnight Oil, The Makarrata Project, que saiu em 30 de outubro. Todas as faixas desse novo trabalho têm caráter ativista e o lucro total é destinado para causas ambientais.

Fonte: Rádio Rock