Max von Sydow, de ‘Game of Thrones’, morre aos 90 anos

O ator sueco Max von Sydow, conhecido por papéis em clássicos como O Sétimo Selo (1957) e O Exorcista (1973), assim como aparições recentes em Tão Forte e Tão Perto (2011) e Game of Thrones, morreu nesta segunda-feira (9), aos 90 anos. A informação é do The Independent. Sydow nasceu na cidade de Lund, na Suécia, e ganhou notoriedade após uma parceria com o cineasta Ingmar Bergman. Além de O Sétimo Selo, eles colaboraram em filmes como Morangos Silvestres (1957), O Rosto (1958), A Fonte da Donzela (1960) e Através de um Espelho (1961). A chegada dele em Hollywood foi marcada por A Maior História de Todos os Tempos (1965), épico da MGM em que ele interpretou uma versão de Jesus. Em 1973, marcou o papel do Padre Merrin no clássico do terror O Exorcista, repetindo a dose na continuação O Exorcista II: O Herege (1977). Títulos como Três Dias do Condor (1975), Conan, o Bárbaro (1982) e Duna (1984) consolidaram o nome de Sydow em Hollywood.

+ Kansas anuncia lançamento de novo álbum de estúdio

Em 1983, enfrentou o James Bond de Sean Connery na pele do vilão Blofeld, em 007 – Nunca Mais Outra Vez. A primeira das duas indicações ao Oscar veio em Pelle, o Conquistador (1987), interpretando um imigrante sueco que busca uma vida mais digna na Dinamarca. Nas últimas décadas da carreira, Sydow viveu papéis coadjuvantes em blockbusters como Minority Report: A Nova Lei (2002), Hora do Rush 3 (2007), Ilha do Medo (2010) e Star Wars: O Despertar da Força (2015). Em Game of Thrones, viveu o Corvo de Três Olhos, mentor de Bran (Isaac Hamspead Wright) na sexta temporada, exibida em 2016. A performance lhe rendeu a segunda indicação ao Emmy, 26 anos depois de concorrer pelo telefilme Red King, White Knight. Sydow ainda vai aparecer postumamente em um longa, Echoes of the Past, drama de guerra do diretor Nicholas Dimitropoulos.

Fonte: UOL | Foto: Divulgação