Lady Gaga: passeador de cães tem alta e revela sequelas

Ryan Fischer, o passeador de cães de Lady Gaga que foi baleado durante roubo dos animais da cantora, recebeu alta do hospital. Em um texto nas redes sociais publicado nesta segunda-feira (29), Fischer, que ficou mais de um mês internado, conta que passou por uma cirurgia na qual teve parte do pulmão removida.

+ Ben Harper lança singles; ouça Joshua Tree e Inland Empire

Em 24 de fevereiro, o passeador de cães fazia um passeio noturno em Hollywood com três buldogues franceses da cantora, quando homens desceram de um carro, atiraram e levaram dois cães. Segundo o site TMZ, o bandido atirou no “dog walker” e levou dois dos cachorros. O terceiro buldogue correu e já foi recuperado. Gaga chegou a oferecer US$ 500 mil pelos dois cães. Os animais foram devolvidos dois dias após o crime. Em um vídeo nas redes sociais, Fischer mostra o momento em que troca a roupa do hospital ao som da música “Coming Around Again”. O “dog walker” apresenta dificuldade durante a mudança de roupa, mas no texto, ele se mostra esperançoso.

Fonte: G1 | Foto: Divulgação