Lady Gaga é acusada de plágio por ‘Shallow’

Lady Gaga está sendo acusada de plágio pelo músico Steve Ronsen, que alega que a cantora usou uma progressão de três notas de sua faixa, “Almost”, no hit “Shallow”. A faixa de Ronsen, disponível apenas no Soundcloud, foi lançada em 2012.

Gaga não foi formalmente processada, mas recebeu uma ameaça jurídica do advogado de Ronsen, Mark D. Shirian, que segundo o Page Six, pede por “milhões e milhões de dólares”. O advogado de Gaga, Orin Snyder, comentou a ação: “Mr. Ronsen e seu advogado estão tentando conseguir um dinheiro fácil de uma artista bem-sucedida. É vergonhoso e errado”. Ele continuou: “Se o Mr. Shirian decidir proceder com o caso, Gaga lutará vigorosamente e ganhará”.

+ Barão Vermelho lança ‘Viva’, o primeiro álbum de músicas inéditas em 15 anos

A equipe jurídica de Gaga ainda alegou que a progressão de notas é comum e pode ser ouvida também no hit do Kansas, “Dust In The Wind”, de 1978. Lady Gaga levou a estatueta de Melhor Canção Original no Oscar por “Shallow”, ao lado dos compositores Mark Ronson, Andrew Wyatt e Anthony Rossomando.

 

Fonte: Omelete