Jon Hendricks, cantor conhecido como ‘o poeta do jazz’, morre aos 96 anos

Jon Hendricks, cantor de jazz cujas interpretações chamativas de estilo improvisado e criação de letras para canções instrumentais lhe renderam o apelido “o James Joyce do jazz”, morreu em Nova York, informou a família do artista ao jornal The New York Times. Ele tinha 96 anos e a causa da morte não foi revelada. Conhecido nos anos 1950 e 1960 pelo seu papel no trio vocal popular Hendricks, Lambert & Ross, ele era considerado um mestre na arte do improviso. Vencedor de diversos prêmios Grammy, ele costumava ser chamado de “poeta laureado do jazz”.

Muito ativo até o fim da vida, ele tinha terminado, neste ano, de compor as letras para o álbum do Miles Davis de 1957 “Miles Ahead”. Quando o projeto estreou em Nova York, Hendricks estava na plateia.

Fonte: G1