Futuro de Johnny Depp em ‘Animais Fantásticos’ é incerto

Enquanto o estúdio Warner Bros se prepara para começar a produção do novo filme da franquia Animais Fantásticos, existe uma questão que vem se mostrando cada vez mais preocupante e essencial: a permanência de Johhny Depp no papel de Gellert Grindelwald. Apesar do enorme sucesso tanto do primeiro quanto do segundo longa, Os Crimes de Grindelwald (2018) sofreu um boicote de fãs de longa data do universo Harry Potter por causa da escalação do ator para o papel do antagonista, e a produtora está receosa em mantê-lo no elenco da terceira parte (de cinco planejadas).

+ ‘Talvez nem valha a pena salvar o rock em seu estado atual’, opina Nick Cave

O que gerou (e só tem piorado) essa situação é a interminável briga judicial entre Depp e sua ex-esposa Amber Heard, que trocam acusações desde 2016, quando alegou que ele a havia agredido. Devido as novas acusações feitas pela atriz (afirmando que ele já a ameaçou de morte, inclusive), executivas de posições elevadas no estúdio temem pela mensagem que pode ser transmitida ao público caso continuem a trabalhar com o ator, que já foi oficialmente afastado da franquia Piratas do Caribe.

Para dificultar ainda mais a situação, J.K. Rowling escreveu no próprio, em dezembro de 2017 (quando o nome de Depp começou a fazer parte do projeto), que, apesar das preocupações dos fãs, ela e os cineastas envolvidos estão “não apenas confortável em continuar com o elenco, mas genuinamente felizes em ter Johnny como um dos personagens principais do filme”. Isso não deve afetar a concretização de Animais Fantásticos 3, mas sim a continuação de Johnny Depp na franquia.

Fonte: Rolling Stone | Foto: Divulgação