Estudo sobre evolução da Covid-19 realiza mais testes

O estudo Evolução da Prevalência de Infecção por Covid-19 no Rio Grande do Sul (Epicovid19-RS) entra na décima fase a partir desta sexta-feira (9). Esta etapa segue até a próxima segunda (12). A rodada de entrevistas e testes de anticorpos para o novo coronavírus ocorre em nove cidades gaúchas, incluindo Caxias do Sul. No município, o inquérito populacional é realizado com o apoio da UCS em logística e seleção de candidatos. Coordenado pela Universidade Federal de Pelotas (UFPel) e executado regionalmente pelo Instituto Pesquisas de Opinião (IPO), o estudo investiga a disseminação do novo coronavírus na população do Estado. A intenção é avaliar a prevalência de pessoas infectadas, medir a velocidade de expansão do contágio na população e determinar o percentual de infectados sem sintomas no RS. Em todo o Rio Grande do Sul, vão ser visitadas 4,5 mil residências.

+ Leãozinho do Bem reforça pedido para destinação do IR

No município caxiense, onde o estudo tem o suporte da UCS, profissionais e acadêmicos voluntários da área da saúde vão visitar 500 domicílios previamente sorteados. A equipe realiza entrevista e aplica teste de anticorpos para detectar quem já teve contato com o novo coronavírus, seguindo protocolos de biossegurança para proteger a saúde de entrevistadores e participantes. Há aplicação do teste Elisa, de anticorpos para a Covid-19. O método de testagem demanda a coleta de amostra sanguínea (gota de sangue extraída da ponta do dedo) e os resultados serão divulgados aos participantes após análise de laboratório. | Foto: Daniela Xu

Central de Conteúdo UCSfm