É #FAKE que isolamento social faça aumentar carga viral

Está sendo compartilhado nas redes sociais que pessoas contaminadas pelo coronavírus isoladas em casa, como forma de evitar a propagação do vírus, têm a carga viral aumentada por “autocontaminação”. É #FAKE. A mensagem que está circulando acompanha uma reportagem sobre a chamada imunidade de rebanho e induz quem lê a pensar que os contaminados devem abandonar o distanciamento social – preconizado pelas autoridades de saúde como forma de se conter a disseminação do vírus.

+ ‘Desafogo’ é o novo single da Cuscobayo; ouça

É tão óbvio isso. A Itália foi a maior prova de que as pessoas trancadas em casa respiram o próprio vírus, aumentando a carga viral da Covid-19, gerando uma espécie de superdosagem e tornando a gripe chinesa, que era leve, em grave ou fatal”, diz o conteúdo falso.

O “alerta” não faz qualquer sentido, segundo especialistas. Quanto à questão da imunidade de rebanho, que é um efeito de proteção coletivo quando uma determinada porcentagem dos habitantes de uma região desenvolve anticorpos contra uma doença, ainda há muitas dúvidas, pois a Covid-19 foi descoberta há poucos meses e a pandemia ainda está em curso.

Fonte: G1 | Foto; Divulgação