É #FAKE que água sanitária em esgoto evita Covid-19

Viralizou nas redes sociais uma recomendação para que a população coloque água sanitária em ralos, pias e chuveiros para matar o coronavírus. A justificativa: o vírus estaria se multiplicando nos esgotos. É #FAKE.

Por favor, adicione uma colher de sopa de água sanitária em cada ralo das suas privadas, lavatórios, banheiras, chuveiros, lava-louças… As autoridades holandesas descobriram que o vírus está crescendo e se multiplicando no sistema de águas residuais. Eles descobriram que mesmo as pessoas que estavam confinadas em suas casas pegaram o vírus e decidiram testar a água do sistema de águas residuais. Encontraram o vírus Covid-19 ativo nos esgotos”, diz a mensagem que está circulando.

Só que especialistas explicam que a recomendação não procede, porque o vírus na prática não tem capacidade de infecção ao estar no esgoto. O Ministério da Saúde esclareceu que “não existe recomendação de que se utilize água sanitária em ralos, banheiras, chuveiros e lava-louças de residências como forma de evitar o contágio por coronavírus”. A nota oficial explicou que existem estudos que apontaram a presença do vírus em esgotos, mas ressalvou que “esse tipo de detecção de partículas tem a função de mapear quais são as áreas com maior taxa de infecção pelo vírus. Assim, gestores podem agir de forma preventiva e tomar decisões em relação a medidas de isolamento social”.

+ The Rock é a celebridade mais bem paga do Instagram

A mensagem falsa já circulou também na Europa. Fato é que estudos feitos em países como a Holanda, a França e a Austrália já mostraram que as fezes de pessoas infectadas pelo vírus contêm o material genético do vírus. Examinar o esgoto pode ser uma forma de monitorar a propagação desta e de outras epidemias, por meio de uma estimativa do número de infectados na área pesquisada. O Ministério da Saúde ratificou que analisa “a evolução da Covid-19 para a adoção de novas ações para atendimento da população brasileira, em apoio aos gestores locais do Sistema Único de Saúde (SUS)”, e publica “diretrizes com orientações e recomendações relacionadas à prevenção, controle e redução da transmissão da Covid-19”. Usar água sanitária nos esgotos não é uma delas.

Fonte: G1 | Foto: Divulgação