Demi Lovato fala pela primeira vez após internação: ‘Continuarei lutando’

A cantora pop americana Demi Lovato falou pela primeira vez ontem (5) depois de sua internação em um hospital de Los Angeles por suspeita de overdose. “Eu sempre fui transparente sobre a minha jornada com o vício”, disse a artista de 25 anos, em uma publicação no Instagram.”O que aprendi é que essa doença não é algo que desaparece ou se desfaz com o tempo. É algo que eu preciso continuar superando, o que ainda não fiz.” . Em cerca de duas horas, a imagem da carta havia recebido mais de 3 milhões de curtidas na rede social.

+ Mulheres estão salvando o mercado das guitarras, diz Fender

Leia a íntegra da declaração da artista, que não abordou diretamente a suposta overdose noticiada por meios de comunicação:

“Eu sempre fui transparente sobre a minha jornada com o vício. O que aprendi é que essa doença não é algo que desaparece ou se desfaz com o tempo. É algo que eu preciso continuar superando, o que ainda não fiz.

Eu quero agradecer a Deus por me manter viva e bem. Aos meus fãs, eu sou eternamente grata por todo o seu amor e apoio durante essa semana e além. Seus pensamentos positivos e orações me ajudaram a navegar por esse momento difícil.

Quero agradecer minha família, meu time e a equipe do [Hospital] Cesars-Sinai, que estiveram ao meu lado todo esse tempo. Sem eles eu não estaria aqui escrevendo essa carta para todos vocês.

Eu agora necessito de tempo para me curar e focar na minha sobriedade e na estrada para a recupação. O amor que vocês todos me mostraram nunca será esquecido e eu espero pelo dia em que poderei dizer que saí do outro lado.

Eu vou continuar lutando.

Demi”

Fonte: G1