Cinemas drive-in se multiplicam e viram opção na pandemia

Os cinemas drive-in deixaram de ser espaço para nostálgicos e passaram a ser aposta do entretenimento fora de casa em 2020, com o distanciamento social para conter o avanço da Covid-19. Drive-ins tradicionais já ativos antes da pandemia e novas iniciativas com plateias em carros querem atrair um público que quer mais do que ficar no sofá vendo lives, TV ou streaming. A “solução drive-in” foi adotada por cantores, bandas e casas de eventos em pelo menos três países da Europa: Noruega, Dinamarca e Alemanha, entre o fim de abril e o começo de maio, para driblar as aglomerações de pessoas – e as restrições impostas por governos.

+ Percy Jackson | Autor anuncia que livros vão virar série

No Brasil, os donos de cinema drive-in acreditam que o aprimoramento do serviço agora vai deixá-lo mais atrativo mesmo após a pandemia. Contudo, médicos epidemiologistas alertam que, mesmo dentro de carros, pode haver a transmissão do coronavírus. Os especialistas defendem que apenas pessoas que dividam a mesma casa podem estar no mesmo carro. Não é recomendável abrigar amigos, conhecidos ou parentes que não morem na mesma casa. Estar dentro do carro também não anula os cuidados básicos para a prevenção do coronavírus: uso de máscara e higienização das mãos com álcool gel.

Fonte: G1 | Foto: Leo Martins