Blonde, cinebiografia de Marilyn Monroe, é adiada para 2022

O drama ficcional sobre a vida de Marilyn Monroe, “Blonde”, foi oficialmente adiado para 2022 na noite de quarta-feira (29). Estrelado por Ana de Armas, de “Entre Facas e Segredos” e “Blade Runner 2049”, o longa tem direção de Andrew Dominik, responsável por “O Assassinato de Jesse James pelo Covarde Robert Ford” e “O Homem da Máfia”.

+ Rush libera vídeo com último solo de bateria de Neil Peart

Ana de Armas não se sentia bonita o suficiente para ser uma bond girl -  Revista Marie Claire | Celebridades

Aguardado por membros da indústria e amantes do cinema, o filme está em desenvolvimento desde 2010. Por muitos, é considerado uma aposta prévia do Oscar. Até o momento, a Netflix não especificou o motivo da alteração na data de estreia. Também não confirmou uma janela para o lançamento. “Blonde” é baseado em livro homônimo de Joyce Carol Oates. Ele reimagina a história da vida pessoal de Marilyn durante os anos 1950 e 1960. Além de Ana, o elenco estelar ainda conta com Adrien Brody, Julianne Nicholson e Bobby Cannavale.

Fonte: Papel Pop | Foto: Divulgação