Ator Eduardo Galvão morre aos 58 anos, vítima da Covid-19

O ator Eduardo Galvão morreu na noite desta segunda-feira (7), aos 58 anos. Ele estava internado em um hospital do Rio de Janeiro com Covid-19. Ao chegar à unidade, ele estava com 50% dos pulmões comprometidos. Por causa de complicações, o artista estava entubado desde 1º de dezembro na Unidade de Terapia Intensiva (UTI). A informação foi confirmada pela família para amigos por volta da meia-noite. Ainda não há ainda informações sobre velório e sepultamento do artista.

+ É #FAKE imagem de Pelé em frente a túmulo de Maradona

Eduardo Galvão, de 58 anos, estrelou dezenas de novelas na TV Globo, como “O Salvador da Pátria” (1989), “A Viagem”, “O Clone”, “Despedida de Solteiro”, “Paraíso Tropical”, “Porto dos Milagres”, entre outras. Seu trabalho mais recente na TV foi em “Bom Sucesso”, em 2019. O ator era conhecido também por trabalhos como a série infantil “Caça Talentos”. Atuou ainda em “Malhação”, “Chiquinha Gonzaga”, “Os Normais” e “Casseta & Planeta, Urgente!”, entre outras produções. Na Record, integrou o elenco de “Apocalipse” (2017), e na Band fez “Dance Dance Dance” (2007). No GNT e na HBO, participou das séries “Questão de Família” (2014) e “Magnífica 70” (2015).

Fonte: G1 | Foto: Lucas Teixeira