Após provocar Roger Waters, Disturbed toca hino de Israel em show no país

O Disturbed apresentou o seu primeiro show em Israel nesta terça, 2. Entre as músicas, David Draiman, o vocalista, fez uma pausa no setlist habitual para poder tocar Hativka, o hino nacional do país. A apresentação ocorreu apesar das recomendações feitas por Roger Waters de que a banda cancelasse a visita à nação judaica, já que o ex-Pink Floyd não apoia as decisões do local contra a Palestina e sempre pede boicote a Israel. Mas, para Draiman, o pedido foi absurdo, já que o mesmo é judeu. No mesmo dia do show, o vocalista do Disturbed disparou contra Waters.

+ Foo Fighters falha ao tentar tocar música pedida por fã; vídeo

O homem é tão delirante e está muito envolvido em sua própria psicose e em seu próprio ódio disfarçado como essa campanha. Ele é um homem muito doente”, disse ao Louder Sound.

Não é a primeira vez em que Draiman se irrita com o baixista. No início de junho, entendeu a requisição de que o Disturbed não fosse a Israel, feita por Waters, como um ataque a judeus. Para ele, o “boicote seletivo” a Israel é um absurdo. Nesta semana, Roger Waters pediu também a Milton Nascimento que cancelasse os shows em Israel. O brasileiro negou.

Fonte: Rolling Stone | Foto: Divulgação