‘American Crime Story’ vai contar escândalo de Bill Clinton e Monica Lewinsky

O canal de televisão FX anunciou a terceira temporada da série American Crime Story, dirigida por Ryan Murphy. A nova leva de episódios vai focar no processo de impeachment do ex-presidente norte-americano Bill Clinton. A série vai ser baseada no livro de Jeffrey Toobin, A Vast Conspiracy: The Real Story of the Sex Scandal That Nearly Brought Down a President. Os episódios vão ao ar no dia 27 de setembro de 2020. Beanie Feldstein interpreta Monica Lewinsky, a estagiária da Casa Branca que, na época, se envolveu com o ex-presidente. Já Sarah Paulson , colaboradora frenquente de Murphy, vai ser Linda Tripp, a funcionária pública que gravou as ligações confidenciais de Lewinsky sobre a relação com Bill Clinton.

+ Ouça ‘Catfish Kate’, novo single do Pixies

Como o elenco da série evidencia, a temporada vai focor nas mulheres envolvidas no processo que levou ao impeachment, em vez de mostrar o ponto de vista de Clinton. A própria Monica Lewinsky vai trabalhar como produtora na série. Para quem não conhece, American Crime Story é uma série que dramatiza eventos reais da história recente dos Estados Unidos. A primeira temporada, por exemplo, contou o julgamento do jogador de futebol americano O.J. Simpson, que foi acusado do assassinato da ex-mulher Nicole Brown e do amigo Donald Goldman, e a segunda temporada detalhou o assassinato de Gianni Versace por Andrew Cunanan.

Fonte: Rolling Stone | Foto: Divulgação