AC/DC: Bon Scott ganhará museu na Escócia

Em 30 de abril de 2016, a cidade de Kirriemuir, na Escócia, inaugurou uma estátua de bronze em homenagem a Bon Scott, o que de imediato atraiu um número muito representativo de fãs do vocalista do AC/DC, que nos deixou em 1980. As visitas ao local são tão grandes que a cidade onde o músico cresceu se tornou o ponto turístico mais visitado do território escocês. Para se manter como um ponto de encontro representativo dos fãs de rock em todo o mundo, a localidade planeja a construção de um museu. Agora, a instituição de caridade musical comunitária DD8 Music revelou que está por trás da criação do Museu do Rock de Kirriemuir, que vai ter Scott homenageado ao lado de outros grandes nomes do mundo do rock, além de servir como centro de educação musical.

+ Bacurau é eleito Melhor Filme Estrangeiro em Toronto

O Museu do Rock de Kirriemuir celebrará a herança musical de Kirriemuir, cobrindo desde a música tradicional escocesa até o rock and roll do AC/DC”, disse o comunicado da DD8 Music.

O financiamento comunitário que dever erguer o museu nos próximos anos (não há uma data estipulada para ser concluído) é similar ao adotado pela instituição na campanha que criou a estátua do cantor  em 2016, contando com a colaboração de fãs de 32 países. Bon Scott nasceu em Forfar, mas passou os primeiros anos em Kirrie antes da família mudar para a Austrália, onde ele se juntou ao AC/DC. Ele morreu aos 33 anos em 19 fevereiro de 1980, vítima de uma overdose de álcool.

Fonte: Rádio Rock | Foto: Divulgação