Tati Portella lança primeiro álbum solo em setembro

A artista gaúcha, Tati Portella, apresenta em setembro o primeiro álbum solo, “Impermanência”, com dez músicas que mantêm a cantora e compositora (bem) perto da praia do reggae pop. Só para lembrar, Tati Portella deixou o posto de vocalista da banda gaúcha de reggae Chimarruts em 2017.

Anunciado ainda em 2017 pelo single “Minha Verdade”, o álbum Impermanência alinha conexões de Tati com artistas do sul do Brasil. Duca Leindecker é o compositor de “Noite de Outros Dias”, música gravada com baixo, bateria e violão tocados pelo próprio Leindecker. Ícone do universo pop gaúcho, o cantor e compositor Nei Lisboa avaliza a regravação da canção “Pra te Lembrar” – composta e lançada por Nei no álbum Relógios de Sol (2003) – ao fazer dueto com Tati nesse novo registro da música.

+ Stereophonics anuncia novo álbum e lança clipe do primeiro single

Projetado como vocalista da banda gaúcha Papas da Língua, da qual saiu neste ano de 2019 para iniciar carreira solo, o cantor Serginho Moah une forças e vozes com Tati Portella em “Leve (Beibi)”. Já Dada Yute – nome artístico do cantor e compositor paulistano Cauê Granello, propagador de um reggae mais identificado com as origens jamaicanas desse gênero musical – é o convidado e parceiro de Tati Portella em “A vida Dá”, música também assinada por Sander Frois. A faixa foi produzida em estúdio de Brasília (DF), por Alexandre Carlo, integrante da banda Natiruts que toca guitarra na gravação da faixa.

Como compositora, Tati assina no álbum “Impermanência” músicas como “Incansável Navegante” (em parceria com Jéssica Berdet) e “Melodia verdadeira” (com Rafa Caetano), esta já lançada como segundo single do álbum. A música-título “Impermanência” é de autoria de Pedro Angi.

Fonte: G1
Fotos: Heloísa Medeiros