Rolling Stones dão direitos de “Bitter Sweet Symphony” para Richard Ashcroft, do The Verve

Os Rolling Stones deram os royalties e os direitos da música “Bitter Sweet Symphony” para Richard Ashcroft, vocalista da banda britânica The Verve. A informação foi revelada nesta quinta-feira (23) em comunicado de Ashcroft reproduzido pelo NME.

“É com grande prazer que informo que no mês passado Mick Jagger e Keith Richards concordaram em me dar sua parte da música ‘Bitter Sweet Symphony’”, diz o texto, que acrescenta que isso só foi possível graças a um gesto gentil dos músicos dos Stones, que também concordaram que todos os seus royalties derivados da música deverão passar para o líder do The Verve, banda que fez sucesso mundial com a canção e nunca ganhou um centavo com ela.

+ Keith Richards | Exposição mostra 50 anos de carreira do Rolling Stones

“Bitter Sweet Symphony” integrou seu terceiro álbum do The Verve, Urban Hymns, e foi lançada como single em junho de 1997. A música foi baseada num trecho da Andrew Oldham Orchestra para a música dos Rolling Stones, “The Last Time”, de 1965. O acordo era usar um número de notas e acordes, mas como, supostamente, o Verve utilizou um trecho maior, rolou um processo que impediu que o vocalista Richard Ashcroft, mesmo tendo escrito toda a letra, jamais recebesse dinheiro por ela.

O que jogou a favor do The Verve nesse processo é que a própria canção dos Rolling Stones “The Last Time” é uma adaptação de “This May Be The Last Time”, gravada em 1956 pelo The Staple Singers.

 

 

 

Fonte: Rádio Rock