Pearl Jam volta ao Brasil e investe em restauração da Amazônia

A banda norte-americana Pearl Jam está apoiando um projeto de restauração de florestas tropicais para compensar as emissões de carbono criadas pela atual turnê do grupo pelo Brasil. Os músicos se uniram ao Conservation International para compensar as estimadas 2,5 mil toneladas de emissões de dióxido de carbono que vão gerar no giro que fazem pelo país. O Pearl Jam toca nesta quarta-feira (21), no Maracanã, e no próximo sábado (24) no Autódromo José Carlos Pace, em São Paulo.

Festival Brasileiro de Música de Rua | Confira a programação desta quarta-feira

O investimento do Pearl Jam, calculado em cerca de 50 mil dólares, vai diretamente para o projeto da Reserva do Uatamã, no Amazonas, onde 20.600 árvores vão ser plantadas em 8 hectares de terra. Tendo em vista o investimento baixo para uma banda desse porte, fica a pergunta: por que mais músicos não seguem os passos do Pearl Jam e também investem em projetos assim?

Fonte: Collectors Room