Nasce uma Estrela | Produtor é acusado de assédio sexual

Segundo informações do site Jezebel, o produtor de Nasce uma Estrela, Jon Peters, recebeu diversas acusações de assédio sexual entre 1996 e 2008. Apesar de ter negado todas, ele foi condenado em 2011 a pagar uma indenização para Shelly Morita, sua ex-assistente pessoal. Ela afirmou que foi tocada pelo produtor sem consentimento e que ele se “expôs” para ela de forma inadequada. Jon Peters também produziu a versão de 1976 de Nasce uma Estrela e, segundo a Warner, é por isso que ele foi creditado no projeto.

Novo livro conta a história do AC/DC com Bon Scott

Depois do resgate das informações, o Sindicato de Produtores de Hollywood afirmou que Peters não foi certificado na equipe do longa de Bradley Cooper, ou seja, mesmo se a produção for indicada ao Oscar, o nome dele não vai ser incluído. Nasce uma Estrela conta a história de amor entre um astro alcoólatra em decadência e uma jovem artista em começo de carreira. Além de dirigir, Cooper faz o papel do músico. A produção já virou filme três vezes: em 1937, com Janet Gaynor e Fredric March; em 1954, com Judy Garland e James Mason; e em 1976, com Barbra Streisand e Kris Kristofferson. Bradley Cooper também dirige e o lançamento está marcado para 4 de outubro de 2018.

Fonte: Omelete | Foto: Divulgação