Michael Stipe (R.E.M.) deixa o Instagram

Michael Stipe tomou uma decisão: vai deixar o Instagram e está seriamente repensando sua atuação nas redes sociais de uma forma geral. Em uma entrevista para a BBC Newnight, o líder do R.E.M. explicou os motivos dos seus planos. “Estou definitivamente mudando a maneira que abordamos um ao outro e aos problemas. A política foi moldada por elas [as rede sociais], certamente em meu país. Nós temos um comandante que ao invés de fazer entrevistas presencialmente, prefere tuitar, o que eu acho repugnante e atenuante”, disse.

+ Novo álbum do AC/DC contará com Malcolm Young em todas as músicas

“Estou deixando o Instagram esta semana, cansei. Acho que nós merecemos mais e acho que deva haver uma plataforma mais generosa a surgir se as pessoas seguirem os meus passos. Nunca estive no Facebook, não tenho interesse nisso como uma figura pública. Não gosto de ser seguido, não gosto da ideia deles de olho em cada passo no que eu penso e em como eu gasto meu tempo”, justificou.“Claro que a gente concorda com tudo isso ao clicar em um botão [o de concordo], mas é preciso dar um passo atrás e olhar para o jeito que as redes sociais estão mudando a maneira como as pessoas estão se comunicando umas com as outras”, continuou.

Além de não estar no Facebook, Michael Stipe não tem sequer uma publicação no Twitter mesmo sendo seguido por mais de 7 mil fãs.

Fonte: Rockline