Mestre dos quadrinhos, Stan Lee morre aos 95 anos

Lenda das histórias em quadrinhos e responsável pela criação dos heróis mais emblemáticos da Marvel Comics, Stan Lee morreu nesta segunda-feira (12), em Los Angeles, aos 95 anos. A informação foi inicialmente divulgada pelo site especializado em notícias de famosos TMZ. Joan Celia Lee, filha do artista, confirmou a morte pouco depois em entrevista ao portal. Segundo as informações iniciais, Lee teria sido levado no começo da manhã de sua casa em Hollywood Hills, na Califórnia, para um hospital de Los Angeles, onde acabou morrendo. As causas da morte ainda não foram divulgadas pela família, mas a lenda dos quadrinhos vinha sofrendo com vários problemas de saúde nos últimos anos. Além disso, no ano passado, perdeu sua esposa, Joan Lee, com quem foi casado por mais de 70 anos.

Paul McCartney voltará ao Brasil ano que vem, diz colunista

Uma das maiores referências da cultura pop dos últimos 50 anos, Lee foi responsável pela criação, dentro da Marvel Comics de personagens como Hulk, Homem Aranha, Homem de Ferro, Demolidor, Quarteto Fantástico, Deadpool, Vingadores e X-Men. Nos últimos anos, o autor viu suas histórias em quadrinhos ganharem o cinema, conquistando um público ainda maior do que o original.

Escreva coisas que você quer ler. Se trata de escrever coisas que você acredita que eles (os leitores) querem ler. Você não os conhece, mas conhece a si mesmo. Deve haver alguém como você, que vai gostar do que você escreveu. O que eu fiz foi tentar escrever histórias que eu gostaria de ler. De um modo ou outro, funcionou”, disse Stan Lee em agosto do ano passado, ao participar de uma homenagem em Los Angeles.

Fonte: EFE | Foto: Divulgação