Exposição ‘Diário do esquecimento’ pode ser conferida em Caxias

A exposição Diário do esquecimento: como revelar e apagar uma infância, da artista visual Verlu Macke, pode ser conferida na Galeria de Artes do Centro de Cultura Ordovás (R. Luiz Antunes, 312 – Panazzolo), em Caxias do Sul. O trabalho busca expor memórias guardadas no tempo, esquecidas e apagadas por consequência. A mostra tem curadoria de Silvana Boone. A instalação tem um caráter autobiográfico e surgiu como uma proposta de buscar a revelação de algumas indagações pessoais sobre a infância da artista que, em um primeiro momento, pareciam fáceis de serem respondidas, mas a medida em que as ligações entre alguns elementos simbólicos foram sendo estreitadas, transformaram-se em objetos de reflexão e de criação artística.

‘A Festa’ é exibido no Centro de Cultura Ordovás, em Caxias

Diário do esquecimento: como revelar e apagar uma infância pode ser conferida até o dia 07 de outubro, de segunda a sexta-feira, das 9h às 22h, e nos finais de semana e feriados, das 16h às 22h. A artista e a curadora participam de uma conversa junto à exposição no dia 26 de setembro, às 19h. Interessados em participar do diálogo devem se inscrever gratuitamente até o dia 24 de setembro pelo e-mail [email protected] Já no dia 06 de outubro a artista Verlu Macke conduzirá uma visita guiada junto à exposição, às 17h. Interessados devem se inscrever gratuitamente pelo e-mail [email protected], até o dia 04 de outubro. | Foto: Verlu Macke

Central de Conteúdo UCSfm