Em menos de 24h, o Pokemon GO já colocou “ratos” no Congresso Nacional e facilitou assaltos.

Além dos pokémons em si, o jogador de Pokémon Go encontra pelo caminho os pokestops – pontos onde há pokebolas e outros bônus do jogo.  Mas o que a Nintendo não imaginava é que, em São Paulo, dois desses pontos fossem ficar exatamente na Cracolândia, próximo de onde há uma grande concentração de usuários de crack, uma região que pode ser perigosa até durante o dia.

As paredes do Congresso Nacional não foram o suficiente para conter a onda do Pokémon Go. Um dos repórteres da rádio BandNews encontrou um Rattata dentro do Senado, durante nada menos que uma sessão da Comissão do Impeachment.
Parece ser uma infestação, porque ali perto, na Câmara dos Deputados, outro Rattata apareceu enquanto durante uma reunião sobre um projeto de lei contra a corrupção.  É bom lembrar que o algoritmo do jogo geralmente se adapta ao mapa: coloca pokemóns aquáticos perto de lagos e fontes, terrestres em parques e – coincidência ou não – roedores em Brasília.

Na terra dos memes, não podia ser diferente.

Fer Machado

Diretor Artístico Rádio UCSfm