• Twitter abre ainda mais espaço dentro do limite de 140 caracteres


    O Twitter concluiu os testes com um novo formato de postagem que permite explorar ao máximo o limite de 140 caracteres da plataforma. A partir de agora, o @usuário deixa de entrar na contabilidade, o que faz com que o campo todo de texto fique disponível exclusivamente para a conversa.  Quando querem responder a um tweet, os usuários vão ver que o @usuário do destinatário não vai ser mostrado no campo de texto, e sim acima da tela, apenas para efeito de informação. Esse sistema começou a ser testado em outubro passado, um mês depois de a empresa excluir links e mídia da contabilidade dos caracteres.

    Fonte: Olhar Digital

  • Facebook Messenger ganhará recurso para encontrar amigos em multidões


    Menos de uma semana após o Google Maps anunciar um recurso para ajudar amigos a se encontrarem em locais lotados, o Facebook anunciou uma novidade semelhante para o Messenger. Trata-se de um recurso que permite que os usuários compartilhem a localização em tempo real com seus contatos do aplicativo. O recurso vai funcionar com um botão em formato de flecha na barrinha de conversa do Messenger. Ao apertar o botão, o usuário vai ver a opção de compartilhar sua localização ao vivo por meio do aplicativo. A princípio, a localização é compartilhada por uma hora, mas o usuário pode encerrar esse envio de informações antes, caso deseje.

    De acordo com o Facebook, o novo recurso está começando a ser liberado hoje para Android e iOS. Por isso, ele deve chegar ao longo dos próximos dias com uma atualização do aplicativo. E, se a empresa colocou esse recurso em um de seus aplicativos de mensagem, é possível que em breve ele seja levado também para o WhatsApp.

    Fonte: Olhar Digital

  • Quem passa muito tempo em redes sociais se sente mais solitário, diz estudo


    Embora o Facebook não pare de afirmar que sua missão é “conectar pessoas”, os efeitos reais da rede social são bem menos otimistas. De acordo com um estudo recém-publicado da Escola de Medicina da Universidade de Pittsburgh, jovens adultos que passam muito tempo nas redes sociais têm maior probabilidade de sentir solidão e isolamento social. Ao todo, o estudo abordou 1.787 pessoas nos Estados Unidos com idades de 19 a 32 anos. Por meio de um questionário, os pesquisadores avaliaram o tempo que cada uma delas passava em 11 das redes sociais mais populares: Facebook, Youtube, Twitter, Google Plus, Instagram, Snapchat, Reddit, Tumblr, Pinterest, Vine e LinkedIn.

    Leia mais: Quanto mais tempo as pessoas passam em redes sociais, maior a probabilidade de que elas sintam solidão

    Fonte: Olhar Digital