Astro francês Gérard Depardieu é denunciado por agressões sexuais

A Procuradoria de Paris assumiu uma investigação preliminar contra o astro do cinema francês Gérard Depardieu por “estupros e agressões sexuais”, depois de uma queixa apresentada na última segunda-feira (27) no sul da França, informou nesta quinta uma fonte judicial.

Gérard Depardieu contesta absolutamente toda agressão, todo estupro. Lamento a natureza pública deste processo, que representa um grande prejuízo para Gérard Depardieu, que estou convencido de que a inocência será reconhecida”, reagiu imediatamente o advogado do ator, Hervé Temime.

A denúncia contra o famoso ator de 69 anos foi apresentada à brigada de Lambesc, segundo uma fonte próxima ao dossiê. A Procuradoria de Aix-en-Provence imediatamente abriu uma investigação preliminar antes de transferi-la à Procuradoria de Paris. Segundo o jornal Le Parisien, a autora da denúncia é “uma jovem atriz e dançarina de vinte e poucos anos”.

+  Gipsy Kings toca em Porto Alegre em outubro

Ela explicou “ter sido abusada sexualmente duas vezes pelo ator, à margem de um ensaio informal para uma peça de teatro”, relata o jornal. Os fatos teriam acontecido no domicílio parisiense de Depardieu nos dias 7 e 13 de agosto, acrescenta o jornal. A denúncia contra o ator surge após uma série de casos que atingiram celebridades do mundo do cinema depois do escândalo envolvendo o produtor americano Harvey Weinstein em outubro de 2017.

Fonte: Correio do Povo | Foto: Clemens Bilan